Pai não fumes para cima de mim …. ????

Durante esta semana pós Pascoa que culmina com o enterro do bacalhau muito se falou sobre fumadores, defesa da saúde publica, cortina de fumo sobre outros assuntos de maior relevo de interesse nacional, defesa em favor das crianças e jovens, a quem lhes chame também adolescentes, todo uma série de situações que levaram a confissões como a do Ricardo Costa do Expresso que se sujeita agora a ser preso ou no mínimo “multado” e até mesmo ao “Manifesto de Insubordinação Cívica” por parte do Miguel Sousa Tavares.

Mas acima de tudo e aquilo que como futuro ex-fumador me deixou realmente contente foram as opiniões de vários políticos de todas os partidos nomeadamente o PSD expressarem-se contra a ideia iluminada do ministro Paulo Macedo que num momento, espero único, de salvador da saúde publica sobre o pretexto de proteger as proles mais novas dos seus nocivos pais se tentou “infiltrar” no meu carro.

Mas por outro lado vieram toda uma série de pessoas defender a ideia iluminada sobre o beneficio para a saúde que tal lei viria aplicar, mas o que me deixou realmente preocupado foram duas coisas:

Pensaram estas pessoas que realmente existe a necessidade de legislar, para não lhe chamar outra coisa, para que pais conscientes tenham a devida sensibilidade de ter os devidos cuidados relativamente a protecção da saúde dos seus filhos, serão a maioria dos pais portugueses seres irresponsáveis sem capacidade de discernir o correcto do incorrecto que necessitemos de um estado democrático que realmente precise de vir tratar os seus cidadãos como incompetentes no dever paternal.

Pensaram estas pessoas que tal lei suportada sobre o mau principio acima indicado, não é mais que uma forma de autoritarismo e por em causa a base da liberdade das pessoas como entidade e cidadãos

A seguir este caminho o que vem a seguir vão me proibir de ser gordo ou magro em excesso para o bem da minha saúde, vão me proibir de andar na rua a partir de determinada hora porque posso ser assaltado, enfim creio que já perceberam a ideia.

O que desta tentativa de lei iluminada se deve realmente analisar não é a questão da saúde é mesmo o caminho que parece que algumas pessoas querem seguir para que passemos a ter um novo estilo de “escravatura” moderna.

Anúncios
Com as etiquetas , , , ,

GRITAR um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: