Exercicio de Economia Revisitado

Para falar verdade esqueci-me que hoje tinha de fazer uma posta. E por isso, penitencio-me e peço as mais humildes desculpas. No entanto, ainda se pode dizer que vou a tempo, pois ainda é Quinta-feira.

Já cheguei tarde e desinspirado, pelo que vou deixar-vos aqui um texto que escrevi em 2008 no meu blog Aventuras em Portugal.

 

“Hoje vou fazer um pequeno exercício de economia.

Estamos em crise financeira. Isso é do conhecimento e aceite por todos. Na maioria das empresas, o estado das contas é tão lastimável que algumas tiveram mesmo de fechar portas.

São as encomendas não vêm, os preços que aumentam por via dos custos dos combustíveis, as matérias-primas a aumentar de preço, etc.. Tudo isto fez aumentar a despesa e baixar a competitividade das nossas empresas.

É como em nossa casa. Se o vencimento que auferimos mensalmente não chegar para as despesas o que fazemos? Ou cortamos nas despesas ou recorremos ao crédito. Se recorrermos ao crédito, agravamos a despesa, pois temos de pagar os custos desse crédito. Nesse mês o filho lembra-se de dizer ao pai: “ó velhote a vida tá a ficar mais cara, tens de me aumentar a mesada, que esta já não dá para comprar berlindes. E nesta situação aumentamos a mesada do nosso filho? Ou dizemos-lhe que tem de se aguentar com o que tem, porque o dinheiro não cresce nas árvores e nós não queremos aumentar a nossa despesa interna?

Se a coisa se agravar muito, teremos de pagar primeiro as despesas fundamentais e deixar para depois as que são secundárias. Talvez até retirar a mesada ao filho, porque precisamos de pagar a alimentação, a luz, a água e o crédito à habitação ao banco, porque estas despesas permitem que continuemos a poder viver com algum conforto e esperar que venham tempos melhores.

Também poderíamos arranjar um segundo vencimento, mas para isso teríamos de arranjar um segundo trabalho. Talvez com um segundo vencimento, pudéssemos fazer face às nossas despesas e até aumentar a mesada do nosso filho. Mas isso implicaria mais esforço e menos tempo em casa.

Estas são as opções que neste momento temos nas nossas vidas. Se sabem outra maneira digam… FIM”

Hoje, ainda está mais complicado do que na altura em que escrevi este texto. A crise afeta os mercados para onde exportamos, o emprego escassea e o dinheiro vai todo para o Estado.

Pra semana prometo um original outra vez.

 

Advertisements

2 thoughts on “Exercicio de Economia Revisitado

  1. José diz:

    Luis, como este texto não quis falar na desvalorizaçao, mas sim no congelamento. Existem mais razões para que as empresas não sejam competitivas, mas a realidade é que quando as empresas estão em crise profunda, muitas vezes tem de se optar entre as Fiananças, Segurança Social ou vencimentos ou materias-primas…

    O que quis demostrar com o texto é que as opções são parecidas com a gestão de uma casa. O texto não é uma metáfora para a competitividade das empresas através da desvalorização do trabalho.

  2. luiscorujo diz:

    Esse artigo transcende datas. Mas é perigoso porque justifica a visão infantilista dos trabalhadores. Falar em “cortar a mesada”, como se o salário fosse uma benesse é menosprezar o valor do trabalho. Os trabalhadores também têm famílias, têm obrigações legais, económicas e financeiras que não podem depender da instabilidade dos momento.
    Enquanto que a família não se escolhe, os trabalhadores escolhem-se e devem ser valorizados os que têm qualidade e são uma mais valia, numa óptica meritocrática. E parece que nunca é a altura certa para mostrar apreço que não se limite a fracas palavras palavras de incentivo, e ameaças e insultos vingativos quando se pretende partir para outra empresa, serviço ou profissão. Os trabalhadores, se fossem filhos dos “empregadores”, viveriam em casa do dele e usufruiriam de todos os bens do mesmo, seja o carro, as refeições, e os seguros… Que bom que seria!

GRITAR um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: