Adeus Televisão

Relvas, António Borges e Passos Coelho pretendem acabar com a RTP 2 a Antena 3 e privatizar os restantes canais!
Assim termina o que para mim é o melhor canal em sinal aberto, aquele que permitia o seu público, heterogéneo e ecléctico, manter-se acima da linha de estultificação fornecida pelos restantes canais de sinal aberto. Porque era caro e o público era menos numeroso foi uma justificação. Curioso que aqui já não abordem a questão da ditadura da maioria, mas na plutocracia caciquista vigente, a palavra de Balsemão é lei, e os amigos de negócios da NewsHold, já forram os bolsos a Relvas, para se apoderarem dos canais e assim fazer a censura contra tudo o que fale de forma transparente acerca do regime cleptocrata vigente na República “Democrática” de Angola.
Quem também lucra com isso são a PT e a Zon, as quais fizeram lobby para tornar a TDT portuguesa numa ridicularia que nos envergonha, não só na Europa, mas em comparação a países como Marrocos e Argélia. Menos canais e menos variedade de conteúdos nos canais abertos, significa mais pessoas a irem para a Televisão paga (ou melhor, a manterem-se, porque com a crise, o número de clientes até deveria descer).
Finalmente a privatização do organismo que tutela o maior arquivo audiovisual de Portugal, vai certamente levar ao esbulho desse espólio que deveria ser considerado património nacional e conservado por instituições públicas com técnicos especializados.
É assim que os sucateiros vão vendendo, com lucro para si, património e memória e negam às minorias (e o mais curioso é a direita considerar que quem defende este ponto de vista é elitista!), formas de escapar ao cilindro esmagador da televisão do reality show e telenovela, que só diminuem e estupidificam quem só tem uma caixa mágica para ver e imaginar o mundo.

Advertisements

2 thoughts on “Adeus Televisão

  1. ruibrandao diz:

    mmmh Televisão. RTP. Alimenta muita gente. E não me supreende que se queira que alimente mais, mas outros.
    Da minha parte não vejo muita. Aliás, nem acho a propalada RTP2 assim tão interessante quanto isso. A relação que as pessoas têm com esta lembra-me um pouco a música clássica – todos os “intelectuais” apreciam, mas ouvem é o Quim Barreiros (actualizar com a referência pimba do momento.
    Seja como for, não havia a ideia de tornar o serviço público de televisão independente dos canais e das respectiva propriedade? Não será altura de tornar isso numa coisa a sério?

  2. […] Adeus Televisão. Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente. ← Violência Doméstica à Portuguesa […]

GRITAR um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: