A vontade do Povo

..E a interpretação política

Mário Soares declarou que o governo deveria ser substituído, porque era insustentável governar quando o povo estava na rua a gritar “vão-se embora”.

Desde já pedindo desculpa por dar realce (por pouco que seja) ao autor da frase, que melhor fica se ignorado (como alguns gerontes que por aí populam), acho curiosa a interpretação política da “vontade do povo”. Não que na manif de Sábado, 15, não se gritasse para o governo ir embora. Mas também se clamava- até diria que acima de tudo – para todo o sistema partidário e respectivos políticos irem para uma parte que o decoro me impede de reproduzir.

O que lembra uma certa reinterpretação do anúncio da Zon.

E també me lembra os comentários (de mau gosto é certo) que lamentam a perenidade de vida do ex PR em causa, queixando-se do custo das suas mordomias ao qual acresce uma fundação de difícil explicação.

Mas será a “arte” da política sublevar o que nos interessa, omitindo o resto? Ou seja, mentir eventualmente utilizando a verdade?

Ou apenas que a “vontade do povo” é algo muito importante e sacro… quando convém?

Advertisements

GRITAR um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: